OI (85) 98532-3292TIM (85) 99956-4706

Enquete

VOCÊ SABE O QUE É USUCAPIÃO EXTRA JUDICIAL ?

Votar

Índices

IGPM Jul/18 0,51%
INCC Jul/18 0,72%

Busca inteligente

Destaques

Projetos Eólicos e Fotovoltaicos

A crescente preocupação com a preservação do meio ambiente e a busca pela diversificação da matriz elétrica, associado com o aumento na demanda por energia e desenvolvimento da indústria, impulsionou a geração de energia elétrica no mundo a partir de fontes renováveis, como a fonte solar. As fontes renováveis, embora inicialmente mais caras, tornamse mais competitivas na medida em que se expandem, sendo a competitividade resultante da redução dos custos devido ao ganho de escala e dos avanços tecnológicos. O Brasil possui expressivo potencial para geração de energia elétrica a partir de fonte solar, contando com níveis de irradiação solar superiores aos de países onde projetos para aproveitamento de energia solar são amplamente disseminados, como Alemanha, França e Espanha. Apesar dos altos níveis de irradiação solar no território brasileiro, o uso da fonte para geração de energia elétrica não apresenta a mesma relevância que possui em outros países, nem o mesmo desenvolvimento de outras fontes renováveis, como eólica e biomassa, que já representam, respectivamente, 6,7% e 9,4% da capacidade de geração instalada no Brasil, contra apenas 0,05% da fonte solar. A preocupação com a geração de energia por fontes renováveis tornou-se ainda maior com a celebração do Acordo de Paris, na COP 21, no ano de 2015. O Brasil assumiu compromisso de redução de emissões de gases de efeito estufa, em 2025 e 2030, respectivamente em 37% e 43% em relação aos níveis de 2005. Embora o Brasil possua uma das matrizes mais renováveis do mundo, com aproximadamente 75% de fontes renováveis na oferta de energia elétrica, alcançar as metas firmadas se constitui grande desafio. Conforme EPE (2016), será necessário expandir o uso de fontes de energia não fóssil, aumentando a parcela de energias renováveis (além da energia hídrica) para ao menos 23% até 2030, principalmente pelo aumento da participação das fontes solar, eólica e biomassa. Considerando o compromisso de ampliar a participação de fontes renováveis na matriz energética, principalmente fonte solar, o presente estudo visa apresentar um panorama da energia solar no Brasil e no mundo, analisando os principais incentivos presentes na legislação, além de discutir propostas que possam perpassar os obstáculos existentes e contribuir para o aumento da participação da fonte solar na nossa matriz energética. Por isso, nosso escritório trabalha com uma demanda de pequenos e grandes projetos eólicos e fotovoltaicos, voltados para o desenvolvimento de nosso pais. Nossos projetos estão localizados em parte no Nordeste nos estados de Ceará, Piaui, Maranhão, Rio Grande do Norte e Bahia. Dispomos de apresentação com todos os dados técnicos e financeiros para uma melhor avaliação de cliente e investidores. Solicite-nos uma visita para expormos melhor nossos serviços !

Consulte

Ref. 92

Quer alugar ou vender seu imóvel?


Anuncie aqui